Português detido em Bissau por suspeita de burla relacionada com vistos

O Ministério Público requereu a prisão preventiva do português, suspeito de receber avultadas somas de dinheiro sob promessas de visto para Portugal. Segundo fonte judicial, o suspeito foi detido na posse de 100 passaportes.

“O Ministério Público requereu e foi decretada a prisão preventiva de um cidadão português suspeito de receber avultadas somas de dinheiro sob promessas de visto para Portugal”, afirmou a mesma fonte.

O homem é suspeito de cobrar entre um milhão de francos (cerca de 1.500 euros) e 2,5 milhões (cerca de 3.800 euros) por “promessas de visto que nunca terá concretizado”.

De acordo com as informações disponibilizadas, o homem alegou ser médico, mas, até ao momento, o Ministério Público não “encontrou nada que certifique ser profissional de saúde”. O homem está detido na segunda esquadra em Bissau.

 

Exit mobile version