Notícias Saúde

Uso de CBD cresce para dormir melhor

O uso de produtos à base de canabidiol (CBD), um dos componentes da planta da cannabis, tem se tornado cada vez mais popular entre aqueles que buscam uma solução eficaz e natural para a insônia e outros distúrbios do sono. Evidências científicas indicam que o CBD pode realmente ajudar a melhorar a qualidade do sono, mas ainda há muito a ser estudado sobre o assunto.

A ciência por trás do CBD e do sono

Embora pesquisas completas ainda estejam em andamento, algumas evidências sugerem que o CBD pode ajudar a melhorar a qualidade do sono ao reduzir a ansiedade e promover a sensação de relaxamento. Além disso, acredita-se que o CBD também possa reduzir a inflamação no corpo, contribuindo assim para o alívio da dor e proporcionando uma noite de sono mais repousante.

Estudos e resultados promissores

Vários estudos têm sido realizados nos últimos anos com o objetivo de compreender melhor os efeitos do CBD no sono. Um exemplo é uma pesquisa publicada na revista Permanente Journal em 2019, que analisou o impacto do CBD em pessoas com ansiedade e/ou problemas de sono. Os resultados mostraram que, após um mês de tratamento com CBD, aproximadamente 67% dos participantes relataram melhora na qualidade do sono.

Outro estudo, realizado pela Universidade de São Paulo (USP), investigou os efeitos do CBD em pacientes com Transtorno de Estresse Pós-Traumático (TEPT). Os resultados, publicados na revista Frontiers in Pharmacology, indicaram que o tratamento com CBD pode ajudar a reduzir as perturbações do sono relacionadas ao TEPT.

Tipos de produtos CBD para dormir

Há uma grande variedade de produtos à base de CBD disponíveis no mercado atualmente. Alguns dos mais populares incluem:

  • Óleos e tinturas de CBD: Geralmente administrados sob a língua ou adicionados a alimentos e bebidas;
  • Cápsulas e comprimidos de CBD: Ingeridos como qualquer outra pílula, sendo uma opção prática e discreta.
Leia também:  Como mudar de Centro de Saúde em Portugal

É importante ressaltar que a eficácia e a dosagem ideal podem variar de acordo com cada pessoa e suas necessidades específicas. Portanto, é fundamental consultar um profissional de saúde antes de iniciar o uso de qualquer produto à base de CBD. Explore os óleos CBD da Mama Kana, uma marca reconhecida pela sua dedicação e qualidade. Estes óleos oferecem uma forma simples e eficaz de experimentar os benefícios do CBD. Conheça mais sobre o que a https://mamakana.pt/ tem para oferecer !

Potenciais riscos e considerações

Ao contrário do tetraidrocanabinol (THC), outro componente da planta da cannabis, o CBD não possui efeitos psicoativos nem provoca a sensação de “estar chapado”. No entanto, ainda há algumas considerações importantes a serem levadas em conta ao usar produtos à base de CBD:

  • Interação medicamentosa: O CBD pode interagir com outros medicamentos, alterando seus efeitos. Por isso, é crucial informar seu médico sobre todos os medicamentos que você está tomando antes de iniciar o uso de CBD;
  • Efeitos colaterais: Embora geralmente bem tolerado, o CBD pode causar efeitos colaterais em algumas pessoas, como tonturas, diarreia e mudanças no apetite;
  • Qualidade e pureza dos produtos: Nem todos os produtos de CBD são criados da mesma forma e podem ter variações na qualidade e na concentração do composto. Certifique-se de adquirir produtos de empresas confiáveis e verifique se eles possuem certificado de análise de laboratório.

Conclusão

O uso de CBD para dormir melhor tem mostrado resultados promissores em diversos estudos e tem sido uma alternativa cada vez mais procurada por aqueles que sofrem de insônia e outros distúrbios do sono. Entretanto, é fundamental buscar orientação profissional antes de iniciar qualquer tratamento com canabidiol, a fim de garantir a segurança e eficácia desse composto.

Leia também:  Construção de casas com cânhamo: a alternativa ecológica que está a crescer em Portugal

Fontes

  • https://www1.folha.uol.com.br/equilibrio/2023/03/a-cannabis-pode-te-ajudar-a-dormir-evidencias-cientificas-indicam-que-sim.shtml
  • https://cannalize.com.br/zolpidem-x-cannabis-a-diferenca-entre-tratar-sintoma-e-a-causa-das-doencas/
  • https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2022/10/04/uso-de-cbd-cresce-para-tratar-depressao-mas-esbarra-em-falta-de-evidencias.htm
  • https://oglobo.globo.com/saude/noticia/2022/09/canabidiol-como-o-composto-da-maconha-induz-ao-sono.ghtml