Notícias Turismo

Macau é o principal destino de visitantes da China continental

Primeiro semestre de 2023 mostra Macau no topo do ranking turístico para residentes da China continental

O relatório sobre o turismo externo no primeiro semestre de 2023, divulgado pela Academia de Turismo da China, revela que Hong Kong, Macau e Taiwan representam 80% dos destinos de viagens escolhidos pelos residentes do interior da China. Macau ocupa o primeiro lugar do ranking, com uma taxa de 50%.

Aumento no fluxo de turistas

As autoridades de Macau destacam o aumento significativo no número de visitantes provenientes da China continental. Este crescimento pode ser atribuído a uma série de fatores, como a crescente classe média na China e a facilidade de acesso às regiões vizinhas.

  • Investimentos em infraestrutura: A melhoria das conexões de transporte, incluindo a construção da Ponte Hong Kong-Zhuhai-Macau e a expansão do Aeroporto Internacional de Macau, tem contribuído para atrair mais turistas chineses à cidade.
  • Diversificação da oferta turística: Macau tem investido em diversificar sua oferta turística, apostando em novos projetos hoteleiros, culturais e de entretenimento, além do tradicional setor de jogos de azar. Um exemplo recente é a reabertura do RIU Gran Canaria após uma grande remodelação, trazendo novas opções de lazer aos visitantes.
  • Promoção internacional: O governo de Macau tem trabalhado em campanhas promocionais para aumentar a visibilidade do destino e atrair ainda mais turistas da China continental, bem como de outras regiões asiáticas.

O impacto do turismo no mercado local

A crescente demanda de turistas chineses por destinos como Macau fez com que o setor se desenvolvesse rapidamente na cidade. Isso tem gerado oportunidades de negócio e investimento estrangeiro, apesar dos desafios impostos pela pandemia da Covid-19.

Leia também:  Neymar multado em três milhões de euros por crimes ambientais no Brasil

As diretrizes divulgadas pelo Conselho de Estado chinês buscam otimizar ainda mais o ambiente para o investimento estrangeiro, melhorando o equilíbrio geral entre a conjuntura nacional e internacional e promovendo um ambiente empresarial de classe mundial. Com isso, empresas são incentivadas a aproveitar as vantagens do enorme mercado chinês e fazer esforços para atrair e utilizar o investimento estrangeiro de forma eficaz.

Desafios enfrentados pelas companhias aéreas

No entanto, nem todos os setores relacionados ao turismo têm registrado resultados positivos neste período. As restrições à vinda de turistas da China continental têm afetado as companhias aéreas locais, como é o caso da Air Macau, que registrou perdas sem precedentes desde o início da pandemia.

Em 2023, a companhia aérea teve um prejuízo de mais de 400 milhões de patacas, justificado pelo impacto do ressurgimento da pandemia na China e o aumento do preço de petróleo. As receitas operacionais da Air Macau caíram 26% em comparação com 2021, para um total de 887 milhões de patacas.

Expectativas futuras para o turismo em Macau

Ainda que a situação da pandemia continue incerta, as autoridades de Macau mantêm-se otimistas quanto ao futuro do turismo no território. Para além dos esforços em diversificar a oferta e atrair visitantes de diferentes mercados, é fundamental garantir a segurança sanitária dos residentes e turistas.

Nesse sentido, o governo tem implementado medidas rigorosas de controle e prevenção da Covid-19, tanto nas fronteiras como dentro da cidade, para assegurar que o setor turístico possa continuar a se desenvolver de forma sustentável e segura.

Com uma estratégia bem definida e ações concretas, Macau tem potencial para fortalecer ainda mais sua posição como principal destino de visitantes da China continental, contribuindo para o desenvolvimento econômico local e regional e oferecendo experiências únicas aos seus visitantes.

Leia também:  Polícia detém outro suspeito de participar na morte de Marielle Franco

Fontes

  • https://www.ambitur.pt/riu-gran-canaria-reabre-apos-remodelacao/
  • https://www.noticiasaominuto.com/mundo/2380213/china-tenta-atrair-mais-investimento-estrangeiro-para-relancar-economia
  • https://www.impala.pt/noticias/economia/macau-e-o-principal-destino-de-visitantes-da-china-continental-autoridades/
  • https://www.lusa.pt/international/article/2023-08-14/41338638/macau-%C3%A9-o-principal-destino-de-visitantes-da-china-continental
  • https://www.publituris.pt/2023/06/15/prejuizo-da-air-macau-aumenta-em-2022